As primeiras grafiteiras do Afeganistão – Jornal do Oeste

Apagar as marcas da guerra e quebrar paradigmas. É essa a missão que parece ter sido assumida por duas mulheres afegãs. Shamsia Hassani e Malina Suliman, mesmo estigmatizadas pelo conservadorismo e pelo extremismo religioso do seu país (fatores que acabam vetando a liberdade das mulheres), decidiram dar voz a tudo aquilo que sentem e pensam. Mas ao invés de escrever uma autobiografia ou fazer vídeos para a internet (como já fizeram algumas afegãs), Shamsia e Malina foram além… Elas usam o grafitti para expressar as suas opiniões e ao mesmo tempo dar mais cor aos locais que foram devastados pela grave guerra que assola o país delas.

malina shamsia 2

 

Leia a matéria completa AQUI.

Anúncios

Deixe aqui o seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s