Matt Molloy e os fenômenos do céu

O uso da longa exposição não é bem uma novidade no mundo da fotografia, mas quando se trata dessa técnica, o que realmente impressiona são os projetos que diversos fotógrafos ao redor do mundo todo criam para dar mais dinamismo para os seus trabalhos.

Aqui no blog já foi falado sobre Lincoln Harrison, que, fazendo uso dessa técnica, criou “startrails”, um projeto fotográfico baseado em algo inusitado: o movimento rotatório do planeta (leia aqui). Para finalizar cada foto, Lincoln precisou de um período que variava entre 13 e 15 horas (tempo no qual ele tirava diversas fotos num mesmo ângulo para que depois pudesse, com a ajuda do computador, reuni-las num único retrato).

Nesse sentido, outro fotógrafo também decidiu usar a longa exposição para retratar os fenômenos do céu. O nome dele é Matt Molloy!

Matt trabalha com a ideia de fotografar paisagens, nuvens e de dar mais ênfase às imagens do céu há mais ou menos 3 anos. Quando ele decidiu utilizar a técnica do “time-lapse”, percebeu que poderia fazer uma reunião de imagens interessantes que retratam os reflexos da passagem do tempo no céu.

Hoje o fotógrafo não capta apenas imagens do céu, mas sim de rios e de outros cenários que possam ser o sujeitos da longa exposição de uma câmera fotográfica.

Confira:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Bacana, não é?!

Matt tem um tumblr onde ele reúne as suas fotos. Acesse aqui.

E curta a nossa página no facebook, ok?!  🙂

Anúncios

Deixe aqui o seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s